Implantes mamários: o que você precisa saber

Implantes mamários: o que você precisa saber

Implantes mamários: você com mais no formato que quiser!

O desejo de ter seios mais volumosos leva muitas mulheres às clínica de cirurgia plástica em busca de implantes mamários. Além de querer saber sobre o resultado, há outras informações importantes a respeito da mamoplastia de aumento: tipos de incisão, tamanho, forma e tipo da prótese, entre outras. Confira abaixo!

Incisão e colocação do implante:

As três incisões mais comuns para a mamoplastia de aumento:

  • Inframamária (sob a dobra da mama),
  • trans-axilar (na axila)
  • periareolar (ao redor do mamilo).

Cada técnica incisional tem seu conjunto de vantagens e desvantagens. A técnica de incisão inframamária, é uma das preferidas pois fornece um ótimo acesso ao tecido mamário, tem a menor chance de complicações e esconde completamente cicatrizes processuais. Quando possível, recorremos a esta técnica, mas, cada caso deve ser avaliado e analisadas as melhores condições em busca dos melhores resultados.

Tamanho e forma do implante:

A prótese deve combinar com seu biotipo

Em se tratando de tamanho e forma da prótese, temos várias opções.

Há formas redondas, em gota, nos mais variados tamanhos. O ideal é manter um visual harmonioso com seu biotipo, o que deve ser amplamente conversado e analisado com o médico antes da cirurgia, bem como suas expectativas e as possibilidades reais via cirurgia.

 

Antes de qualquer coisa, consulte um cirurgião plástico credenciado à Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Cirurgia plástica deve trazer satisfação, bons resultados, levando em conta, em primeiro lugar, a sua saúde!

Share