Cirurgia de pálpebras, a queridinha das mulheres

Cirurgia de pálpebras, a queridinha das mulheres

A cirurgia de pálpebras, ou blefaroplastia, promete melhorar um dos principais sinais de envelhecimento, capaz de comprometer a aparência de qualquer mulher. Estamos falando de pálpebras caídas, bolsas sob os olhos, excesso de pele numa região que evidencia juventude… Ou velhice.

Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, a cirurgia de pálpebras é uma das mais praticadas no País, solicitada tanto por homens quanto por mulheres em busca de uma aparência mais jovial e vigorosa.

Homens e mulheres recorrem à cirurgia de pálpebra em busca de um olhar jovial

Homens e mulheres recorrem à cirurgia de pálpebra em busca de um olhar jovial

Os motivos para essa preferência dos brasileiros são notórios: a cirurgia de pálpebras é relativamente simples se comparada a outros procedimentos, rápida, com excelente custo benefício e, em alguns casos – quando a paciente é mais jovem, ou mulheres sem problemas de saúde, ou ainda que vão operar somente as pálpebras superiores – pode ser realizada em ambiente ambulatorial, dispensando internação. Também pode ser realizada sob sedação, ou anestesia geral (se feita sem outras cirurgias associadas, como o lifting facial por exemplo).

A blefaroplastia consiste na retirada do excesso de pele e tecido adiposo (gordura) das bolsas palpebrais ou o reposicionamento ou enxerto desta gordura, (dando um aspecto mais jovem e mais leve ao rosto). Pode-se complementar o tratamento dos olhos com Botox e peelings específicos para essa região, o que otimiza o resultado esperado e diminui aquele ar cansado, dando um aspecto mais jovem.

O pós-operatório costuma ser tranquilo, sem dor. Caso surjam inchaços e manchas roxas (equimoses), que são consideradas normais após a cirurgia, são recomendadas compressas geladas além de evitar

  • Banhos quentes,
  • O calor do fogão ao cozinhar,
  • A exposição ao sol.

A melhora é progressiva e os pontos são retirados cerca de 4 a 6 dias após a operação. O uso de óculos escuros e filtro solar pode ser estendido até 4 meses após a cirurgia.

Por se tratar de uma região delicada, os pacientes devem sempre procurar profissionais habilitados para realizar a cirurgia de pálpebras, pois, por mais simples que possa ser, em mãos erradas, pode gerar problemas. É sempre preferível recorrer a um cirurgião plástico.

Share